MSC deve posicionar Splendida na China a partir de 2018

|

Após estrear na Ásia com o MSC Lirica este ano, a MSC Crociere deve dedicar um de seus maiores navios, o MSC Splendida a cruzeiros na região. Parte da classe Fantasia, e dedicado ao Brasil na temporada 2015/2016, o navio deve ficar baseado no mercado chinês a partir de 2018, após uma temporada nos Emirados Árabes.

Com o MSC Lirica na Ásia desde meados de maio, a MSC Crociere parece começar a planejar seus próximos passos na região. Servindo o mercado chinês em parceria com um operador turístico local, a companhia italiana deve dedicar o MSC Splendida ao país asiático a partir de maio de 2018.

A data marca exatamente o final do contrato iniciado firmado entre a MSC e o Caissa Touristic Group, que previa parceria entre as empresas para uma temporada de 24 meses a partir de Shangai, operada pelo MSC Lirica. Em temporada pelos Emirados Árabes até meados de março de 2018, o Splendida deve substituir seu irmão mais velho na China logo em seguida.

O terminal de cruzeiros Kai Tak de Hong Kong, já mostra escala do navio em abril do ano em questão, em um provável cruzeiro posicional Dubai - Shangai.

Adaptado ao mercado chinês em estaleiro na Itália, o Lirica pode ou não permanecer no mercado chinês. Não está claro, se o navio permanece na Ásia ou retorna para o hemisfério ocidental.

MSC Splendida de despedid da América do Sul
O MSC Splendida é um dos maiores navios da frota atual da MSC Crociere, parte da classe Fantasia, a mais recente da companhia. Inaugurado em 2009, esteve no Brasil entre o fim de 2015 e abril deste ano, em sua primeira temporada nacional. Agora, deve ser dedicado exclusivamente ao público chinês, mais provavelmente, em operação de ano inteiro.

Com cerca de 140 mil toneladas, será também um dos maiores navios em águas asiáticas, transportando cerca de 4,000 passageiros em capacidade máxima.

Na Europa, seu principal mercado de operação, o Splendida deve ser substituído pelo MSC Meraviglia, que entra em operação em maio do próximo ano, e pelo MSC Seaview, que será inaugurado em 2018. Enquanto o primeiro navegará no Mediterrâneo durante todo o ano, o Seaview deverá alternar entre o Mediterrâneo no verão local, e o Brasil no verão local (inverno europeu).

Texto e Imagens (©) Copyright Daniel Capella.

0 comentários:

Postar um comentário

 

©2013 Design por Ray Câmara