Navios da Oceania Cruises atracam em Manaus

|

O Sirena e o Insignia escalaram o porto de Manaus no mês passado e o no começo deste. Os navios da Oceania Cruises foram os dois primeiros a escalar a capital amazonense nessa temporada, e movimentaram cerca de 2,000 pessoas. 


O Insignia, da Oceania Cruises, atracou no Porto de Manaus na manhã da última segunda-feira, 28, por volta de 10h, com 797 pessoas a bordo, sendo 401 turistas.

Com 180 metros, a embarcação pernoitou na capital amazonense, deixando a cidade apenas na terça-feira, 29, com destino a Miami (EUA), no trecho final da viagem que teve início no Rio de Janeiro (RJ).

A Fundação Municipal de Cultura, Turismo e Eventos (Manauscult) e a Empresa Estadual de Turismo do Amazonas (Amazonastur) foram responsáveis pela ação de receptivo no local. Material informativo da cidade, a exemplo de um guia de bolso bilíngue, e colares indígenas foram entregues na chegada dos turistas. A Polícia Turística do Amazonas (Politur) e a Banda da PM também integraram a ação.

“Essa é uma ação em conjunto que mostra a receptividade manauara e que tem como objetivo ser um cartão de visitas para o turista, que é quem leva as melhores impressões lá fora e pode atrair o interesse de mais pessoas para visitar e conhecer a cidade”, afirmou o diretor-presidente da Manauscult, Bernardo Monteiro de Paula.

Insignia em Santos em novembro
Para medir o grau de satisfação dos turistas, a Amazonastur deu início a pesquisas de avaliação, que serão realizadas durante toda a temporada 2016/2017. O trabalho dos pesquisadores começou com a chegada, no último dia 11 de novembro, do navio MS Sirena, que trouxe a Manaus mais de 400 turistas, em sua maioria norte-americanos.

“Essas pesquisas são importantes para que possamos, todos os órgãos envolvidos na operação, melhorar ainda mais os serviços prestados aos turistas”, disse a presidente da Amazonastur, Oreni Braga. Os pesquisadores da Amazonastur acompanham os turistas tanto nos passeios pelo rio quanto nos passeios pela cidade.

Expectativas
“Estou impressionado com Manaus, que é uma cidade que tem dois milhões de habitantes. As expectativas são as melhores, espero ver o máximo que puder nesses dois dias”, afirmou Carry Poston, natural da Nova Zelândia.

Já Peter Schrtaz, da Alemanha, que está em viagem de férias com a esposa, afirmou já conhecer outros lugares no Brasil, como o Rio de Janeiro, mas é a primeira vez que visita Manaus. “A paisagem natural é uma das coisas que mais nos impressiona. O rio é muito grande, não estamos acostumados com essa imensidão”, afirmou.

Moradora da Flórida (EUA), Yolanta se disse animada para conhecer o Teatro Amazonas. “Estou voltando novamente ao Amazonas e espero conhecer o restante da cidade”, disse.

Para Maria Consuelo Barrada, da Austrália, é difícil enumerar o que mais gosta no Amazonas. “É uma pergunta difícil, gosto de tudo: em primeiro lugar, das pessoas, que são simpáticas e atenciosas; em segundo lugar, do Teatro Amazonas, que quero muito conhecer… Eu amo a floresta e os animais, os macacos, os botos… As pessoas são felizes aqui e isso é muito bonito no Brasil”, afirmou.

Sirena abriu temporada em novembro

O Sirena, também da Oceania Cruises, abriu a temporada amazonense no dia 11 de novembro. Entre passageiros e tripulantes, o navio trouxe cerca de 1,2 mil pessoas a Manaus. Os passageiros eram, em sua maioria, americanos e canadenses, e passaram dois dias na região para conhecer todas as atrações locais.

Sirena, em foto de arquivo na Itália
O Sirena foi o primeiro dos 20 navios aguardados nessa temporada que deve atrair 24 mil turistas, até junho do próximo ano, para a capital amazonense, e movimentar mais de R$ 40 milhões na economia amazonense.

Os turistas desembarcaram na expectativa de conhecer a Amazônia. Em Manaus pela primeira vez, o biólogo Edward Cattell, das Bermudas, disse estar ansioso para conhecer a arquitetura da cidade e a flora amazônica. “Foi uma viagem fantástica até aqui. Nunca tinha estado aqui antes. Sou biólogo, quero conhecer plantas, ver a vitória régia e a vida selvagem. Na cidade quero conhecer a arquitetura e comprar três redes”, falou.

O Sirena partiu no dia 12, seguindo rumo ao município de Parintins, de onde segue depois para a cidade de Miami (EUA). Conforme a Empresa Estadual de Turismo (Amazonastur), durante dezembro devem chegar mais cinco navios na capital. já está em operação o planejamento das ações de segurança e receptividade para garantir a comodidade dos visitantes na Amazônia.

“Vamos trabalhar nesse período para atender de forma hospitaleira e profissional esses turistas. E o nosso papel é oferecer o mesmo tratamento que gostaríamos de receber em qualquer outro lugar do mundo. Todos os órgãos estão empenhados para fazer o melhor para os turistas que vão conhecer nossa região e ajudar, inclusive, em diversos setores da nossa economia”, disse Luciana Vieira, gerente de fiscalização de serviços turístico da Amazonastur

Segurança – A Secretaria de Segurança Pública do Amazonas (SSP-AM), que vai atuar nesse período com mais de 300 servidores dos órgãos de segurança, já ativou o Sistema de Comando e Controle (CICC) nos diversos pontos de interesse e de maior trafegabilidade dos turistas em Manaus. Entre os locais para esse monitoramento estão os pontos turísticos da capital, como o Teatro Amazonas, o Mercado Municipal Adolfo Lisboa, o Porto de Manaus, entre outros. O espectro de segurança compreende o setor aéreo, terrestre e fluvial. 

De acordo com o diretor de Turismo da Manauscult, João Araújo, durante essas ações de receptivos é importante destacar a ação integrada entre os órgãos.

“Até junho continuaremos fazendo um trabalho em parceria para que os turistas sintam-se acolhidos em sua chegada”, comentou.

Economia –
Para essa temporada estão sendo aguardados 24.664 turistas, o que representa um crescimento de 40,23%, em relação à última temporada (2015-2016) que recebeu 18 navios com 17.588 turistas. A injeção de recursos prevista para a temporada 2016/2017 foi estimada em US$ 14.601.088,00, com gasto médio de US$ 296,00, por turista.

 Texto (©) Copyright Manauscult (adaptado).
Imagens (©) Copyright Manauscult (Joel Arthus), Marcelo Lopes e Abxbay.

0 comentários:

Postar um comentário

 

©2013 Design por Ray Câmara