Norwegian encomenda quatro navios da próxima geração na Itália

|

Navios serão da classe Breakaway-Plus, assim como
o Norwegian Escape (foto)
A Norwegian Cruise Line construirá quatro navios no estaleiro italiano Fincantieri. É a primeira vez que a companhia - parte do grupo Norwegian Cruise Line Holdings - encomenda navios ao conglomerado italiano, que opera diversos estaleiros e entregará as embarcações entre 2022 e 2025.

A Norwegian Cruise Line Holdings Ltd. anunciou hoje acordo com o Fincantieri S.p.A. para a encomenda de uma nova geração de navios para sua principal marca, a Norwegian Cruise Line (NCL). O contrato inclui quatro navios (a serem entregues em 2022, 2023, 2024 e 2025), e uma opção para duas embarcações adicionais, que serão entregues em 2026 e 2027, caso confirmadas.

Com 140,000 toneladas brutas os quarto navios acomodarão aproximadamente 3.300 hóspedes. Esta nova classe de navios será construída com base no conceito de liberdade e flexibilidade que é marca da NCL e que já é encontrado na mais recente classe de navios da companhia, a Breakaway-Plus. 

Norwegian Getaway, da classe Breakaway
Além da experiência do passageiro, uma das prioridades do protótipo é a eficiência energética, com o objetivo de otimizar o consumo de combustível e reduzir o impacto no ambiente. Os detalhes sobre as muitas inovações para os hóspedes e características inovadoras serão anunciados mais tarde.

"Esta nova classe de navios continuará o legado da marca Norwegian Cruise Line de introduzir inovações significativas para a indústria de cruzeiros", disse Frank Del Rio, presidente e CEO e da Norwegian Cruise Line Holdings Ltd. "Esta ordem continua a destacar o nosso disciplinado programa novas construções, estende nossa trajetória de crescimento bem para o futuro, aumenta nosso já atraente perfil de ganhos e impulsiona retornos de longo prazo esperados por nossos acionistas. "

"Nos últimos 50 anos, a Norwegian Cruise Line tem se concentrado em oferecer aos nossos clientes o melhor em cruzeiros", disse Andy Stuart, presidente e diretor executivo da Norwegian Cruise Line. "É com grande entusiasmo que olhamos para a frente para os próximos 50 anos, que inclui esta próxima geração de navios que irão oferecer aos clientes as experiências inovadoras que passaram a definir a marca Norwegian Cruise Line".

"Estamos extremamente entusiasmados em colaborar com a Norwegian Cruise Line e esta parceria nos permite incluir um novo e prestigioso cliente no portfólio da Fincantieri", disse Giuseppe Bono, CEO da Fincantieri S.p.A.

"Estamos muito orgulhosos do design inovador destes navios e reconhecemos os vários intervenientes da cadeia de exportação que contribuíram decisivamente para alcançar este objetivo. O valor significativo da ordem proporcionará benefícios econômicos substanciais estendendo o horizonte de emprego de nossos estaleiros navais, e estamos honrados em apoiar o crescimento da economia do nosso país".

O preço contratual para cada um dos quatro navios é de aproximadamente 800 milhões de euros por navio. A Companhia obteve financiamento de crédito à exportação com condições favoráveis para financiar 80% do preço contratado de cada navio entregue até 2025, sujeito a certas condições.

NCL costuma encomendar navios na Alemanha
Norwegian Epic, único navio da frota recente
da NCL construído fora da Alemanha
Além dos quatro navios encomendados hoje, a Norwegian Cruise Line tem outras três embarcações em encomenda: o Norwegian Joy, que será inaugurado este ano; o Norwegian Bliss, com entrega prevista para 2018; e um terceiro navio ainda não nomeado, com entrega prevista para 2019. Estes três navios serão construídos no Meyer Werft, estaleiro da Alemanha que construiu a maior parte da frota atual da companhia. 

Todos são evoluções da classe Breakaway - iniciada em 2013 com o Norwegian Breakaway e que também inclui o Norwegian Getaway (comissionado em 2014). A partir do Norwegian Escape, inaugurado em 2015, o projeto foi alterado, e os navios ficaram maiores; essa versão maior do projeto Breakaway é chamada pela NCL de classe Breakaway-Plus. 

A nova classe será a primeira encomendada da companhia construída pelo Fincantieri, que até então nunca havia recebido encomendas da NCL. Além do Meyer Werft, a companhia nórdica já encomendou navios no atual STX France, da França, e no Bremer Vulkan, da Alemanha. 

Texto (©) Copyright Daniel Capella/NCL.
Imagens (©) Copyright NCL (Escape) e Daniel Capella (restantes).

0 comentários:

Postar um comentário

 

©2013 Design por Ray Câmara