Thomson Cruises ganhará novo navio em 2018

|

Será a terceira nova embarcação a ser incorporado na frota da companhia britânica em um período de três anos. Atualmente navegando como Mein Schiff 1, o navio será renomeado TUI Explorer, e começará a operar pela Thomson em maio de 2018, juntando-se ao TUI Discovery (ex-Splendour of the Seas), ao TUI Discovery 2 (ex-Legend of the Seas) e ao restante da frota.


A Thomson Cruises revelou hoje seus planos para seu mais novo navio, que também ganhou um nome: TUI Explorer. Atualmente operando como Mein Schiff 1, a embarcação teve sua transferência para a Thomson definida em 2015, pouco depois da companhia comprar o então Splendour of the Seas e renomeá-lo TUI Discovery. 

Indigo, na proa, área que será lounge, balada e casino
Com capacidade para mais de 2,000 passageiros, o futuro TUI Explorer foi comissionado em 1996, pela Celebrity Cruises, que encomendou sua construção no estaleiro francês Chantiers de l'Atlantique, em St. Nazaire. Operou pela companhia premium até 2008, quando se juntou à frota da TUI Cruises (sua atual operadora) e foi renomeado Mein Schiff 1. 

A nova fase de sua carreira começa em maio de 2018. Como TUI Explorer passará a operar no Mediterrâneo, a partir do porto de Palma de Mallorca, na Espanha. Os cruzeiros serão voltados ao mercado britânico, que é o alvo da Thomson Cruises, e devem ser vendidos em pacotes que incluem também a parte aérea e sistema all-inclusive.

The Mediterranean
A bordo, os passageiros terão 10 opções de restaurante a sua disposição, incluindo um espaço chamado The Mediterrenean, que terá teto de vidro e será inspirado nas varandas a céu aberto e tabernas deste mar europeu. Esse local terá três restaurantes, sendo dois deles incluídos na tarifa do cruzeiro: um tapas bar e uma pizzaria. 

Outro destaque será o lounge Indigo, na proa, que contará com grandes paredes de vidro e será uma área multi-uso. Além de club noturno, o local será também o casino de bordo. 

A Thomson Cruises é parte do grupo TUI Ag, que também controla a Hapag-Lloyd Cruises e é parceira da Royal Caribbean na joint-venture que deu origem à TUI Cruises. 

Confira mais previsões artísticas dos interiores do navio:

Legend of the Seas se transforma em TUI Discovery 2

Cerimônia de transferência de propriedade, no átrio do navio
Após ter sua propriedade transferida para a Thomson Cruises recentemente, o Legend of the Seas chegou hoje a estaleiro para começar a ser transformado em TUI Discovery 2. O navio da classe Vision é gêmeo do Splendour of the Seas, que já opera para a Thomson como TUI Discovery, e vinha operando desde 1995 (quando foi inaugurado), pela Royal Caribbean International.

A viagem inaugural pela Thomson está marcada para maio. 

 Texto (©) Copyright Daniel Capella.
Imagens (©) Copyright Thomson Cruises.

1 Comentário:

Anônimo disse...

Está faltando criatividade nos nomes dos navios. Todos são Discovery, Explorer, Spirit e Symphony.

Postar um comentário

 

©2013 Design por Ray Câmara