MSC revela detalhes de shows do Cirque du Soleil a bordo do Meraviglia

|

MSC Meraviglia está em fase final de construção
O novo navio da MSC Crociere, MSC Meraviglia terá dois shows exclusivos do Cirque du Soleil. Intitulados Viaggio e Sonor, os shows foram desenvolvidos especialmente para o navio e serão apresentados seis noites por semana. 

A MSC Crociere revelou os ontem nomes e conceitos dos dois espetáculos do Cirque du Soleil at Sea, que serão apresentados a bordo do MSC Meraviglia. Os shows foram desenvolvidos exclusivamente para as apresentações a bordo do novo navio da companhia italiana.

A iniciativa é fruto de uma parceria de longo prazo entre a empresa e o Cirque du Soleil. Segundo a companhia, juntas, Cirque du Soleil e MSC estabelecerão “novos padrões para o entretenimento em alto-mar”. No total, oito shows originais serão desenvolvidos, para apresentação exclusiva nos navios da classe Meraviglia. Além do Meraviglia, que entra em operação 04 de junho de 2017, essa classe inclui outros três navios. O segundo, MSC Bellissima, entra em operação em 2019.

Os outros dois navios da classe Meraviglia serão ligeiramente maiores que os dois primeiros, e ganharão o codinome de Meraviglia-Plus. A terceira embarcação da classe entra em operação no fim de 2019, e a quarta e última em setembro de 2020.

"Nosso compromisso é o de criar momentos únicos que elevem a experiência dos hóspedes a novos patamares e, para isso, trabalhamos com os mais inovadores parceiros, líderes mundiais em seus setores. Desta forma, era natural que, no que diz respeito ao entretenimento, buscássemos a parceria com o Cirque du Soleil ", comentou Gianni Onorato, CEO da MSC Crociere.

"Hoje, estamos muito contentes por revelar os conceitos e inspirações dos espetáculos do Cirque du Soleil at Sea, que, em breve, estrearão a bordo do nosso novo navio, MSC Meraviglia. Por meio da criação de dois shows diferentes para cada um dos quatro navios das gerações Meraviglia e Meraviglia-plus, disponibilizaremos, exclusivamente aos nossos hóspedes, algo novo e emocionante a cada inauguração. Além disso, estes espetáculos serão totalmente inéditos em alto-mar", concluiu o executivo.

"Depois de anos de muito trabalho, nossa equipe está muito animada por revelar os nomes e as imagens das duas primeiras produções da parceria com a MSC; dois conceitos muito diferentes, ambos apresentando o "savoir-faire" do Cirque du Soleil. Os hóspedes do MSC Meraviglia definitivamente ficarão surpresos", declarou Yasmine Khalil, Presidente da 45 DEGREES, Empresa de Eventos e Projetos Especiais do Cirque du Soleil.

Dois shows originais

Cada um dos shows terá com seus próprios conceitos, ambientes, enredo, trajes e maquiagem. As apresentações serão realizadas duas vezes por noite, seis noites por semana, para que os hóspedes tenham a oportunidade de assistir aos dois shows.

O primeiro, Viaggio, contará a história de um artista apaixonado e excêntrico que ouve o chamado de sua musa sem rosto. Misteriosa e sedutora, ela o levará até o vívido mundo de sua imaginação para completar sua obra-prima. A cada pincelada, o pintor revelará os detalhes de seu grandioso quadro. As cores preencherão o espaço com temas intrigantes e ricas texturas. Atos transformarão o teatro em uma tela viva e, diante dos olhos dos espectadores, uma obra-prima ganhará vida.

Inspirado nos sons, Sonor – o segundo espetáculo – levará os viajantes para uma aventura auditiva com dançarinos, acrobatas e personagens, todos se movendo de acordo com o ritmo. Ele evocará um mundo de sensações, sons, música e projeções imersivas, para então culminar em um grand finale para os sentidos.

Espetáculos poderão incluir coquetel ou jantar

“Queríamos enriquecer ainda mais a experiência de nossos hóspedes e, para isso, trabalhamos lado a lado com a equipe criativa do Cirque du Soleil para elaborar a primeira experiência de Jantar & Show em nossa frota”, comentou Gianni Onorato, CEO da MSC.

A experiência do jantar será sincronizada com os shows; todos os detalhes da mesa, os trajes, a música, os efeitos visuais e até mesmo os menus, foram concebidos para complementar cada vivência pré-show. Uma hora antes do início da apresentação, os cruzeiristas poderão assistir a animações surpresas de artistas, música ao vivo, e à preparação da mesa – incluindo um menu table d’hôte com três criativos e ecléticos pratos.

Para o Sonor, foram criados pratos que envolvem também os sentidos. Para o Viaggio, a companhia preparou “uma imersão em um universo de cores, testando a imaginação dos espectadores do começo ao fim”.

Os viajantes também poderão desfrutar de uma experiência Cocktail & Show, que será iniciada 30 minutos antes do início da apresentação e incluirá um exclusivo coquetel e petiscos.

O espaço onde serão realizados os espetáculos conta com 413 lugares. Assim, a MSC solicita que o passageiro efetue reserva para os shows antecipadamente, antes do embarque ou a bordo. Para assistir aos espetáculos, será necessário desembolsar alguns euros. O ingresso com jantar custará € 35, enquanto o ingresso para o show apenas com coquetel sai por € 15.

Carousel Lounge, palco dos shows, custou € 20 milhões

O palco dos shows do Cirque du Soleil foi especialmente desenvolvido para os espetáculos. Chamado Carousel Lounge, o espaço foi projetado pela MSC em parceria com o arquiteto Marco De Jorio. Segundo a companhia, o local foi “equipado com tecnologia de ponta e materiais especiais, o que permitirá aos artistas do Cirque du Soleil realizar performances sublimes e exclusivas”.

O ambiente acomoda 413 passageiros ao todo, o que, segundo a MSC, torna “a interação entre convidados e artistas ainda mais especial”.

O MSC Meraviglia terá capacidade para 4,500 passageiros em ocupação dupla. Após entrar em operação em junho, realizará temporada inaugural no Mediterrâneo. Permanece nessa região até o verão de 2018, quando é reposicionado para o Norte da Europa. Em 2019, estreará no Caribe, com cruzeiros a partir de Miami.

 Texto (©) Copyright MSC (adaptado).
Imagens (©) Copyright STX France e MSC.

0 comentários:

Postar um comentário

 

©2013 Design por Ray Câmara